fbpx
Finanças

Dicas de finanças para abrir um negócio on-line

Dicas de finanças para negócios online
Tempo de leitura: 4 minutos

Abrir um negócio on-line não é uma tarefa simples… Além do investimento inicial, você provavelmente precisará de bastante dedicação, organização e paciência!

O controle financeiro, por exemplo, pode ser um grande desafio para quem está começando.

Para auxiliar nesta tarefa, elaboramos este artigo com algumas dicas de como organizar as finanças de um negócio on-line e colocá-lo no ar com sucesso. Continue lendo para descobrir as que melhor se adequam ao seu negócio!

Dicas financeiras para abrir um negócio on-line

1. Separe contas pessoais e profissionais

A maior parte dos empreendedores quebra por não saber separar o caixa da empresa de sua conta corrente pessoal. Isto porque o ponto mais importante para um negócio ter saúde financeira é a administração de recursos.

Faça o controle das contas bancárias e calcule sua margem de lucro de modo que você não precise tirar da conta para repor na empresa (e nem o contrário).

O ideal é abrir uma conta corporativa para que a administração fique facilitada e você não se perca em meio aos números.

2. Calcule custos fixos e variáveis

Os negócios on-line geralmente possuem menos gastos em comparação aos físicos. Ainda assim, é importante listar e gerir todas as despesas.

Aluguel, conta de luz e demais gastos fixos comuns não costumam fazer parte desse tipo de empreendimento, porém existem outros. Os principais são:

  • CAC (Custo de Aquisição de Cliente);
  • Tráfego;
  • CPL (Custo por Lead);
  • Anúncios (ADs).

Além disso, existem negócios que são on-line e físicos ao mesmo tempo, e por isso exigem ainda mais atenção. Por exemplo, uma clínica odontológica pode promover o procedimento clareamento dental ou tratamento de canal pela internet, mas só atender pessoalmente.

Sobre os gastos variáveis, é importante registrar também aqueles gastos inesperados e emergenciais. Desse modo, todas as movimentações poderão ser analisadas, o que facilitará a sua gestão.

3. Use documentos digitais

Esqueça a papelada e os arquivos físicos! Além do impacto causado ao meio ambiente, eles dificultam muito a administração do negócio digital.

Em vez de papéis ou mesmo planilhas extensas, prefira softwares de gestão, principalmente aqueles que salvam arquivos e atuam na nuvem.

Um software de gestão financeira permite que você registre e acompanhe todas as informações referentes ao seu negócio. No exemplo mencionado acima, isso incluiria a realização de procedimentos como a colocação de aparelho transparente, lente de contato ou os recibos de pagamentos.

Alguns dos aspectos que podem ser administrados por meio de um software de gestão:

  • Clientes;
  • Faturamento;
  • Estoque;
  • Rendimentos.

4. Facilite o pagamento dos clientes

A lógica é simples: se você quer mais dinheiro entrando no seu negócio, dê diferentes opções de pagamentos para os clientes.

Existem diversas alternativas que você pode oferecer ao consumidor, a fim de facilitar o pagamento. Boletos simples, transferências, TED, DOC, cartão de crédito on-line e mesmo os boletos tradicionais são algumas delas.

Ser flexível é uma vantagem competitiva em relação aos concorrentes.

5. Integre processos

Facilitação é a palavra-chave!

O software financeiro é um exemplo, porém existem outras maneiras de integrar processos e facilitar o acesso e controle das informações do seu e-commerce.

Caso não tenha dinheiro para contratar um software, opte por planilhas dinâmicas e não as deixa sob cuidados de terceiros.

Anúncio:

Processos integrados ajudam nas tomadas de decisão e fazem seu negócio crescer com base em dados precisos, o que é ótimo para a saúde financeira e administração de recursos!

6. Tenha uma equipe reduzida

Um contador, uma pessoa responsável por produto, outra pelo atendimento, SAC 2.0, frete…

Nem toda equipe consegue dispor de profissionais dedicados a uma única função. Mas com processos integrados e facilitados, é possível otimizar as tarefas, realizando a maioria delas e delegando as que forem necessárias para uma equipe reduzida e eficiente.

À medida que o negócio for crescendo, novas demandas surgirão. Ainda assim, tome muito cuidado ao tomar decisões que envolvem expansão e a contratação de novas pessoas.

Conclusão

Como dissemos, abrir um negócio on-line não é fácil, mas se você souber administrar as finanças, ele tem tudo para dar certo e alcançar o sucesso esperado.

Vale ressaltar que é sempre bom estar atento aos resultados. Caso ainda não estejam de acordo com as suas expectativas, não desanime! Algumas dificuldades fazem parte do processo e devem servir de motivação para organizar, otimizar e crescer.

Coloque tudo na ponta do lápis antes de começar! O planejamento estratégico é necessário para que você tenha uma visão de todo o negócio e consiga analisar todos os riscos possíveis.

Gostou desse artigo? Então, não deixe de pesquisar e ler mais sobre finanças e outros assuntos relevantes para o seu negócio!

Sobre o ERP Eccosys

O Eccosys é um ERP na nuvem, focado no e-commerce e suas necessidades. Indicado para lojas virtuais que buscam um alto volume de vendas, suas ferramentas permitem crescer com uma operação robusta e otimizada. Dentre as funcionalidades mais importantes, destacam-se a integração completa com as principais plataformas, hubs de marketplaces e operadores logísticos do mercado. Facilite sua rotina com um processamento ágil de pedidos e a emissão automática de NF-e. Faça o teste grátis por 15 dias! Saiba mais em: eccosys.com.br.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.

Recomendações